terça-feira, 30 de maio de 2017

Cultivando bons sentimentos e emoções



Cultivar bons sentimentos e emoções

A pergunta que não quer calar: que emoções você está cultivando na horta da sua vida? O que se planta colhe. Dependendo da qualidade da semente e da fertilidade do terreno podemos colher bons ou maus frutos. Se fizermos o paralelo da nossa vida com uma horta. Remetemo-nos a pergunta inicial.

Existem uma infinidade de teorias, estudos, cursos e especialistas no assunto. Mas a máxima que diz: “ao tocar uma alma humana seja apenas outra alma humana” é o mais importante. Julgar as pessoas é fácil. Até podemos encontrar justificativas para o comportamento do outro e até para o nosso. Mas o que no fim revela é a nossa atitude perante as situações. Compreender e ter compaixão. Todos estamos nesse mundo para evoluir e seguir um caminho que é próprio de cada um.

Muitas vezes é primordial mudar a abordagem que damos ao lidar com os assuntos. Isso passa por autoconhecimento, aprendizagem e ação consciente. E nesse caminho podemos semear e cultivar sentimentos que nos façam bem e por conseqüência ao mundo. Ai vão algumas sugestões:

- Perante uma situação difícil pare, respire e conte até 10 bem devagar, para então agir. Isso dá tempo de pensar melhor nas opções e tomar a decisão mais acertada.

- Antes de digitar uma crítica ou resposta mais ousada para alguém lembre que tem o botão de deletar. Pode até escrever, mas depois é melhor apagar se achar que pode se arrepender. O ímpeto de magoar, dar uma lição, ou mostrar sua pretensa melhor opinião pode ser muito importante para você, mas num futuro breve terá magoado alguém. Será que vale realmente a pena passar por isso?

- Ser gentil e agir com tato sempre é uma ótima opção. Gera boas ações e energias.

- Quando tudo que tentou até agora não funcionou quem sabe procure visualizar a situação com o melhor dos cenários. Respeitando as pessoas dentro das suas peculiaridades. União, amor, respeito, alegria, fraternidade, saúde e paz são ingredientes para o melhor dos adubos. A mente humana é capaz de grandes criações. Comece pensando positivamente sobre o assunto e o mundo pode se transformar.

Esses tempos li que: “quando é para acontecer, até os ventos contrários sopram a favor”. Então, ao invés de lutar e ficar furioso, bravo, chateado ou até deprimido com o que está acontecendo. Tome uma atitude e siga um rumo diferente. Plantando sementes para que num futuro breve a situação possa mudar e beneficia não só você, mas muito mais pessoas. Reflita sobre essa concepção. Com novas sementes sua vida pode ser bem melhor.


Andrea dos Santos Leandro
Consultora em Harmonização de Espaços